1 de julho de 2008

Trivento Pinot Noir 2007

*** 17º vinho comentado pela "Confraria Brasileira de Enoblogs" escolhido pelo "Vinho para Todos". Leia também os comentários dos outros blogs acessando nos links em "Indicações para colheitas".

Trivento Bodegas y Vinhedos foi fundada em 1996 em Mendoza, e traduz em seu nome os três ventos singulares que sopram sobre as terras Mendocinas (vento frio POLAR, vento quente ZONDA e o vento fresco SUDESTADA), forjando o contínuo desenvolvimento das vinhas, com excelentes condições para que elas se expressem em sua plenitude, crescendo e amadurecendo naturalmente.
Saí a procura deste vinho e achei esta última garrafa no Carrefour a um preço de R$ 16,90. A primeira impressão de quando eu vi a garrafa era de que eu já havia visto aquele rótulo em outro vinho. Vocês podem conferir (aqui). Quem copiou de quem, ou mera coincidência? Várias pernas lentas e irregulares se formaram na taça. Cor rubi e aromas de frutos vermelhos, geléia de ameixa, em determinado momento senti um cheiro de "goiabada" (esta eu lembrei da Rafaela do Le vin au Blog) o álcool era presente mas sem incomodar. No palato um vinho refrescante, com ótima acidez, álcool equilibrado (13,5%) e taninos presentes e uma pequena adstringência. Pouco corpo e um final de curto para médio, não se sentia presença de madeira. Levando-se em conta que é um vinho jovem e pelo baixo valor pago, tem uma boa relação custo-benefício. Um vinho bom para se tomar informalmente.

Nota: 4 taças : MUITO BOM

10 comentários:

Alexandre disse...

olá confrade!

Excelente a observação da embalagem. Realmente alguém copiou e eu acho que provavelmente foi a Trivento, já que ele é mais novo. Quem sabe?

De qq forma gostei do vinho tb.

abs!
Alexandre

Colheita de Vinhos disse...

Obrigado pela visita Alexandre,

Seu blog está adicionado!

abraços

Alexandre disse...

Obrigado pelas dicas!

vou experimentar e depois comento lá no blog.

abs!
Alexandre

Imfernandes disse...

Poxa, eu não encontrei o vinho. Procurei aqui no Rio em tudo que é lugar, mas nem na Expand (que trabalha com a Trivento) tinha.

Engraçado é que um dia antes de fazer o DegustEno eu havia o encontrado no Graal, aqueles postos de viagem no meio das estradas.

Bom, fica para o próximo mês. Mas valeu a indicação, já sabemos que podemos confiar nesse pinot.

Abraço.

Colheita de Vinhos disse...

Olá Imfernandes,

Também tive dificuldade para encontrar este vinho. As lojas que eu sabia que tinha o Trivento estava em falta. Fui achar esta ultima garrafa no Carrefour neste Domingo ultimo ...

Mas é muito bom ver que vários blogs estão participando ...

Grande abraço,

Guilherme

Le vin au Blog disse...

Postamos o vinho.

Abs.,

Imfernandes disse...

Guilherme,

quando tomei o Trio, não o achei melhor que o Casillero. Era o de Merlot em maior porcentagem. O achei alcoolico. Mas, não decantamos e pode ser que isso tenha interferido.

Mas pelo preço dele, não me entusiasmei a comprar um exemplar.

Colheita de Vinhos disse...

Imfernandes,

O Trio que provei foi o Cabernet Sauvignon, Shiraz e C.Franc 2006 com (70%, 15% e 15% respectivamente).
O vinho tem 14,5% de teor alcoólico !!! é ... precisa decantar um pouco antes de provar ...

Abraços.

Guilherme

Avaliador de Vinhos disse...

Consegui algumas garrafas desse Trivento com o pessoal da Wine Premium (winepremium.com.br). Já consumi uma e o resto vou consumir amanhã, com os confrades da Vinho & Idéias. Já tenho minha opinião a respeito desse vinho, vou pôr quinta no blog Avaliador de Vinhos. Mas já vou adiantando que, na faixa de preço dele, é provavelmente um dos melhores pinot noirs no mercado.

Saúde, amigos!

Imfernandes disse...

O Vinho de novembro da Confraria de Enoblogs será o argentino Latitud 33 Malbec 2007.
Postagem para 1 de nov. de 2008.

Abraços.