19 de janeiro de 2008

Miolo Reserva Cabernet Sauvignon 2005


Vinícula: Miolo
Safra: 2005
Uvas: 100% Cabernet Sauvignon
País: Brasil
Região: Vale dos Vinhedos
Graduação: 13,5%
Temperatura: 16
Notas da Vinícula: Vinho bem estruturado, de coloração forte e corpo bem marcado. Apresenta evolução em madeira (carvalho) equilibrada e bouquet intenso e característico. Vinho elaborado com uvas cultivadas no Vale dos Vinhedos, recebendo selo de procedência.

Onde colhi: Mercearia Shiroma
Quando colhi: 23/11/2007
Valor Pago: R$ 22,90
Onde degustei: Em Casa.
Quando degustei: 22/12/2006
Participantes: Guilherme e José (Pai).
Meus comentários:
Cor Rubi, Lágrimas Grossas. Aromas típicos da variedade, Baunilha, Madeira, álcool um pouco em excesso, que melhorou após decantar por 40 minutos para a aeração. Taninos marcantes na medida certa, álcool e acidez bem integrados, bom corpo, presença da madeira e um pouco de amargor. Retrogosto longo. Vinho com estrutura para guarda para mais 1 ano no mínimo. Vinho agradável. Pretendo degustá-lo novamente daqui um ano. Harmonizado com tábuas de frios e queijos junto com meu pai, minha esposa (que foi de Cella Lambrusco) e minha mãe (que foi de suco).

Nota: 4 taças e meia : EXCELENTE

5 comentários:

Vinho para Todos disse...

Guilherme,

certamente você e seu pai fizeram a melhor escolha, especialmente se comparado ao Cella Lambrusco.

A Miolo tem feito bons RESERVA, especialmente os CS e Merlot. Tenho um merlot 2005 em casa e quero degustá-lo em breve, talvez até mesmo indicá-lo como vinho do mês para nossa confraria.

Abraço.

gerson disse...

Olá, já degustei o CS e o Merlot (2005) e achei o CS muitissimo melhor, no Merlot o alcool incomodou bastante, valeu, abçs.

Colheita de Vinhos disse...

Olá Vinho para Todos,

Também tenho o Miolo Reserva Merlot 2005 guardado, então vou aguardar para ver se degustamos na confraria. Final de Semana degustei o Salton Volpi Merlot 2005 que comentarei em breve.

Abraço,

Guilherme.

Colheita de Vinhos disse...

Olá Gerson,

Obrigado por avisar pois tenho uma garrafa do Miolo Reserva Merlot 2005, e quando for degustar já deixarei mais tempo decantando para aeração. Outra coisa, se o vinho for resfriado um pouco mais, diminui a sensação do álcool, portanto vale a pena tentar algumas temperaturas mais baixas.

Abraço,

Guilherme.

gerson disse...

Olá, também já percebi isso, as vezes uns 2 graus mais baixo, diminui bem a sensação do álcool. Abçs